Como calcular o enésimo termo e regra de função

Uma sequência é uma lista ordenada de números é definida por uma norma ou função. Cada sequência numérica é chamado termo. A regra sequência diz-lhe o que fazer para calcular o próximo mandato dentro dele. Isso significa que dado um termo da seqüência pode obter o próximo valor aplicando a regra para o termo dado. No entanto, este processo pode se tornar tedioso rapidamente quando tentando calcular termos mais elevados na sequência. Aprender a identificar uma seqüência, o seu governo, e como usar a regra para determinar qualquer termo da seqüência pode poupar muito tempo e esforço.

instruções

    sequência aritmética

  • 1

    Identifica os termos da sequência. O termo n-ésima é um que está na posição n. Assim, o sexto termo é o número que está na sexta posição da lista de números. Por exemplo, na sequência 2, 13, 24, 35, o primeiro termo é 2, o segundo é de 13, o terceiro termo é 24 e o quarto 35.

  • 2

    Ela determina se a sequência é aritmética. Se a diferença entre os dois períodos consecutivos é constante, isso significa que é aritmética. Para a sequência do Passo 1, a diferença entre o primeiro e o segundo termo é 13-2, ou 11. A diferença entre o segundo e o terceiro termo e entre o terceiro e quarto termo é também 11. A sequência é aritmética.

    Esta diferença entre os períodos consecutivos é conhecida como a diferença da sequência comum.

  • 3

    Use fórmula o N-ésimo termo de uma sequência de aritmética para o cálculo do número de ordem n e a função linear, que define a sequência. A fórmula para o enésimo termo de uma sequência de aritmética é: n = a1 + d (n-1), em que "n" é o termo de ordem n da sequência, A1 é o primeiro termo e a diferença comum é d.

    Por exemplo, calcula o termo 36 da sequência no Passo 1.

  • 4

    Avalia o enésimo termo fórmula utilizando um valor identificados para calcular o termo 36 da sequência. No Passo 1 e Passo 2 que são A1 = 2 e d = 11, enquanto que no Passo 3, o valor de n = 36. Avaliação da fórmula com estes valores, A36 = 2 + 11 (36 - 1) = 2 + 11 (35) = 2 + 385 = 387.

  • 5

    Determina a função linear, que define a sequência de avaliar a fórmula enésimo termo para os valores identificados na sequência. Passos 1 e 2, obteve-se que A1 = 2 e d = 11. A equação que define a sequência é a seguinte: n = 2 + 11 (n - 1) = 2 + 11n - 11n = 11 - 9.

  • 6

    Descreve o resultado em palavras. A partir dos resultados do passo 5, o termo 36 da sequência aritmética é de 387 e a função de gerar a sequência é n = 2 + 11 (n - 1).

    sequência geométrica

  • 1

    Identifica os termos da sequência. Por exemplo, na sequência 2, 6, 18, 54 o primeiro termo é 2, o segundo é seis, o terceiro termo é 18 e o quarto 54.

  • 2

    Ela determina se a sequência é geométrico. Se a relação de dois períodos consecutivos é constante, isso significa que é geométrico. Para a sequência do Passo 1, a razão entre o primeiro e o segundo termo é 6/2 ou 3. A razão entre o segundo e o terceiro termo e a razão entre o terceiro e quarto é também 3. sequência é geométrico.

    Esta relação de termos consecutivos é conhecido como o parentesco de sequência comum.

  • 3

    Usar a fórmula de termo Nth de uma sequência geométrica para calcular o valor de ordem n e a função de definir a sequência. A fórmula para o enésimo termo de uma sequência geométrica é dada por N = (a1 r ^ (n - 1)) para valores de n ≥ 1. O termo n da sequência é representada por "um", A1 é o primeiro termo r é a razão comum da sequência.

  • 4

    Avalia o enésimo termo fórmula utilizando um valor identificados para calcular o 15 termo. O no Passo 1 e Passo 2 são A1 = 2 e r = 3, Passo 3, sabemos que n = 15. Avaliação da fórmula com estes valores a equação é: a15 = 2 (3 ^ (15-1)) = 9565 0,938.

  • 5

    Determina a função que define a sequência de avaliar a fórmula enésimo termo para os valores identificados na sequência. Passos 1 e 2 são A1 = 2 e r = 3. A função que define a sequência é a seguinte: n = 2 (3 ^ (n - 1)) = (2/3) 3 ^ N.