Acromegalia, doença gigantes

Giants, pessoas com enormes membros e grande porte. Fora da ficção científica, eles são pessoas normais com uma condição rara chamada acromegalia.

Com uma incidência de pelo menos 3-4 casos por milhão de pessoas por ano, com mais de 3.000 casos no Reino Unido e 15.000 em latim, acromegalia é uma doença rara causada por secreção excessiva de hormônios de crescimento em 99 % dos casos causadas por um tumor benigno da pituitária.

Ela afeta igualmente ambos os sexos, e seu diagnóstico é complicado, principalmente realizada em idade entre 40-60 anos. Essas pessoas apresentam uma características físicas comuns, como membros enormes, crânio mal formado, problemas de odor corporal, diminuição da visão periférica, rouquidão e até mesmo apnéia do sono.

Viver com Acromegalia

Esta doença inclui uma série de sintomas que aumentam de gravidade se não diagnosticada e tratada a tempo. Mão de acromegalia, outras doenças, que foram relatados para estar causando expectativa de vida reduzida de muitos pacientes com esta doença rara aparecer. A 60, mais de metade dos pacientes morreu devido a diabetes, doenças cardiovasculares, respiratórias ou doenças cerebrovasculares.

Mas que relação dessas doenças com aumento da secreção do hormônio de crescimento? O facto é que a hormona de crescimento é um antagonista potente de insulina, em suma, um impostor que não hesitam em 'representar' por insulina, simulando a sua função, mas sem produzir o mesmo efeito, de modo a produzir um tolerância à glicose anormal que resulta nesta condição.

Não só as nossas mudanças físicas, mas também nossos órgãos internos e tecidos também passam por uma série de mudanças. O estado mais comum é a pulmonar porque a capacidade do pulmão é reduzida e estreita, causando doenças respiratórias e deficiências.

Você tem tratamento acromegalia?

Como tratamento, essas pessoas têm cirurgia, irradiação ou pituitária tratamento sendo na maioria dos casos necessitaram de uma combinação de 3. Os objectivos são:

  • A remoção do tumor pituitário e o efeito sobre a massa.
  • Aliviar os sintomas típicos de acromegalia.
  • os níveis de controlo e de estabilização de hormona do crescimento e hormonas associadas.
  • Manutenção da função pituitária normal, e prevenção de complicações crônicas.

Giants na sociedade

Se por acaso você viu o filme emocionante 'Big Fish'. Nele, misturando ficção e realidade, entra a figura de Matthew McGrory, gigante na ficção, e doente de acromegalia na realidade. Pouco depois de virar 32, McGrory morreu de insuficiência cardíaca, causada por acromegalia.

Reflexão sobre este personagem da história ajuda-nos a tornar-nos a idéia de como as pessoas podem ser atingidas por esta condição antes que ele foi descrito em 1886 por Pierre Marie. Uma pessoa auto-consciente solitário, com problemas em sua rotina, e muitas complicações sociais.

Tags

ciência